Loading

Com apenas 15 anos, adolescente é aprovado no ITA

Superdotado, precoce ou gênio? Quando um jovem começa a mostrar grandes habilidades desde muito cedo, esses rótulos começam a ser repetidos. Bernardo Dias, natural de Guarulhos, é um desses exemplos. A inteligência diferenciada foi notada pelos pais quando ele era uma criança. Agora, aos 15 anos, eles têm certeza: Bernardo foi aprovado no vestibular do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica).

A prova é uma das mais difíceis do Brasil. Foram 10.700 candidatos para apenas 110 vagas, uma relação de cerca de 97 concorrentes por um cobiçado lugar. O estudante ficou sabendo que foi aprovado alguns dias antes do Natal e depois foi só festa. “Quando a mulher falou que era do ITA, eu já fiquei muito feliz porque vi que tinha dado certo”, disse o adolescente.

O sonho de Bernardo era estudar no ITA desde os 11 anos. O projeto dele se tornou o da família e os pais se mudaram para São José dos Campos para ficarem mais próximos do objetivo do filho. No começo do ensino fundamental, o jovem foi adiantado em duas séries. Em 2018, terminou o terceiro ano do Ensino Médio.

Junto com a escola, Bernardo fez um cursinho preparatório para ajudar no vestibular. “Acho que não caiu a ficha de que eu passei ainda. É muito difícil e eu fiquei muito feliz quando passei”, completou o novo universitário. Bernardo vai estudar o curso de Engenharia Aeronáutica a partir deste ano.

O último caso parecido no ITA aconteceu em 2015, quando Victor Raniery conseguiu o mesmo feito de Bernardo: ser aprovado 15 anos. Ele cursa a faculdade até hoje.